Sustentabilidade

Promoção das Recolhas Seletivas

Ecopontos

A Valorsul financiou os municípios da sua área de intervenção na aquisição de equipamentos de deposição e recolha seletiva (nomeadamente contentores e viaturas) a fim de atingir os objetivos de recolha seletiva divulgados no PORGIRSU - Plano Operacional de Gestão Integrada de RSU da área Metropolitana (Norte) de Lisboa.

Neste contexto, a Valorsul implementou um projeto de apoio municipal que visa complementar e requalificar as capacidades de deposição e transporte existentes, bem como investir em novos equipamentos e em esquemas de deposição que potenciem tanto a quantidade como a qualidade dos materiais recolhidos.

O apoio dado pela Valorsul, permitiu aos municípios o reforço das suas redes de contentores e frotas de veículos e, em alguns casos, o início da recolha de novos materiais, como foi o caso do fluxo das embalagens, ou a realização da recolha através de outros esquemas, nomeadamente com a ampliação da recolha porta-a-porta a um maior número de habitantes, no concelho de Loures. Por outro lado, além do reforço dos equipamentos, este apoio permitiu também a renovação de algum daquele equipamento.

No âmbito do financiamento anterior e do esforço de aquisição que os municípios têm realizado, foi possível atingir os seguintes indicadores de cobertura de ecopontos em 2009:

  Lisboa Oeste
Ecoponto Verde 3.698 equipamentos
312 hab./equip.
2.340 equipamentos
174 hab./equip.
Ecoponto Azul 3.373 equipamentos
342 hab./equip.
1.972 equipamentos
207 hab./equip.
Ecoponto Amarelo 3.133 equipamentos
368 hab./equip.
1.914 equipamentos
213 hab./equip.


Os valores encontram-se dentro dos padrões de países europeus desenvolvidos nesta matéria.

No entanto, e apesar dos índices de cobertura apresentados, a quantidade de materiais recolhida seletivamente apresenta uma taxa de crescimento inferior ao previsto.